O Filho de Netuno – Resenha

O_Filho_de_Netuno

Sinopse:

A vida de Percy Jackson é assim mesmo: uma grande bagunça de deuses e monstros que, na maioria das vezes, acaba em problemas. Filho de Poseidon, o deus do mar, um belo dia ele acorda de um longo sono e não sabe muito mais do que o seu próprio nome. Mesmo quando a loba Lupa lhe conta que ele é um semideus e o treina para lutar usando a caneta/espada que carrega no bolso, sua mente continua nebulosa. De alguma forma, Percy consegue chegar a um acampamento de semideuses, mas o lugar não o ajuda a recobrar qualquer lembrança. A única coisa que consegue recordar é outro nome: Annabeth.

Com seus novos amigos, Hazel e Frank, Percy descobre que o deus da morte, Tânatos, está aprisionado e que Gaia pretende reunir um exército de gigantes para dominar o mundo e reescrever as regras da vida e da morte. Juntos, os três embarcam em uma missão aparentemente impossível rumo ao Alasca, uma terra além do controle dos deuses, para cumprir seus papéis na misteriosa Profecia dos Sete. Se falharem, as consequências, é claro, serão desastrosas.

Fazia muito tempo que eu não lia algum livro do Riordan, então fiquei muito feliz em embarcar numa missão junto com Percy, que está de volta!

Ao decorrer da leitura, conhecemos o Acampamento Júpiter, que é o acampamento romano. Lá as coisas são muito diferentes do Acampamento Meio-Sangue, os campistas são divididos em Coortes, que vai da primeira à quinta. Para chegar ao acampamento a pessoa tem que passar por um treinamento com Lupa, a deusa loba, e ela ensina a ser alguém autossuficiente, a ponto de achar o acampamento sozinho. Além dessas diferenças, existem várias, mas quis comparar para dar uma noção de que no acampamento romano as coisas são muito mais sistematizadas comparado ao acampamento grego (Mas eu ainda prefiro o Acampamento Meio-Sangue).

Como dito no final de O Herói Perdido, Percy chega ao acampamento romano sem se lembrar de nada, a única coisa de que se lembra é de Annabeth. Podemos ver a mesma coisa que aconteceu com o Cabeça de Alga em O Ladrão de Raios, entrou como perdedor e aos poucos as pessoas foram percebendo seu potencial, e também foi designado para uma missão altamente importante.

Mas agora vou deixar Percy um pouco de lado e falar sobre os outros personagens que me chamaram atenção: Hazel, Frank e Octavian

originalHazel Levesque

HAZEL DEVERIA ESTAR MORTA. Ela não se saiu muito bem em sua vida passada. Sim, era uma filha obediente, mesmo quando a mãe estava dominada pela ambição. E este foi o problema: quando a Voz tomou conta do corpo de sua mãe e ordenou Hazel que usasse seu “talento” para o mal, ela não consegui dizer “não”. Agora por causa desse erro o futuro do mundo está em risco. Hazel gostaria de montar no cavalo que aparece em seus sonhos e simplesmente fugir de tudo isso.

Eu gostei bastante da Hazel, ela é bem madura e forte, mesmo não tendo uma vida perfeita ela não mede esforços para concertar seus erros feitos no passado, tornando-se uma heroína.

Frank Zhang

Tumblr_mkmz7aoyLW1r97gzlo7_500FRANK É UM DESASTRADO. A avó diz que ele descende de heróis, e por isso, pode ser o que bem entender, mas o garroto desconfia. Nem ao menos sabe quem é o próprio pai. Fica torcendo para que seja Apolo, já que a única coisa que realmente é bom é o manejo de arco e flecha – embora nunca tenha vencido os jogos de guerra. O físico parrudo faz com que se sinta um grande bobalhão, em especial na frente de Hazel, sua melhor amiga no acampamento. Frank confia nela cegamente – o bastante para compartilhar o grande segredo que carrega no peito.

Uma coisa que gostei bastante e me identifiquei foi a insegurança de Frank, ele não acreditava no próprio potencial até ser posto a prova.

Octavian

Octavian_full_bodyEssa foi a única arte original dos personagens que eu gostei.

Octavian é aquele cara que existe pra dar uma animada nas coisas, é bem ambicioso e não é um cara muito agradável, mas tem um bom poder (não literalmente) na fala, pode convencer várias pessoas a fazer o que ele quer se quiser.

Espero que como eu, vocês devorem o livro, porque a leitura foi muito boa, estou ansiosa para A Marca de Atena.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s